:: COLEÇÃO ::

MAFALDA

 
 
 

:: Boinas do Che ::

 
 
 
 
 
 

 

 
 
Toda Mafalda
  Toda Mafalda
 
 
Quino
Martins Fontes, 2012
 
442 páginas
31 x 22 cm
Acabamento: Brochura

 

ISBN 8561635487
 
 

por R$ 134,90

 
  COD: L4
   

FRETE FIXO PARA TODO O BRASIL
 
 
MAFALDA é apenas uma garotinha. Gosta de brincar, de dançar e odeia tomar sopa. Mas, com apenas seis anos de idade, a menina criada pelo cartunista argentino Quino na década de setenta tem plena consciência do mundo em que vive, cheio de injustiças, guerras e intolerância. Ela e sua turma gostam dos Beatles, mas questionam o insano universo dos adultos, suas manias e suas maneiras de encarar o mundo e a realidade. A última tirinha dessa personagem foi publicada em 1975, mas continua mais atual do que nunca. Esta edição contém todas as tirinhas publicadas por Quino, da primeira à última, e mostram, com muito humor e carisma, que ser politizado e consciente não significa ser pessimista, e, principalmente, não significa ser adulto.
 
 
 
Quino - Joaquín Salvador Lavado, filho de imigrantes espanhóis da Andaluzia, nasceu em Mendoza (Argentina) no dia 17 de julho, embora nos registros oficiais conste que nascem em 17 de agosto. Já ao nascer foi chamado de Quino, para distingui-lo de seu tio Joaquín Tejón, pintor e desenhista de publicidade, com quem descobriu sua vocação aos 3 anos. Em 1945, após a morte de sua mãe, ele termina a escola primária e resolve inscrever-se na Escola de Belas Artes de Mendoza. Cansado de desenhar ânforas e jarrões, abandona a Escola de Belas Artes, e só pensa numa única profissão: ser desenhista de historietas e humor. A década de 60 foi decisiva para a sua carreira: em 1962 faz sua primeira exposição em uma livraria de Buenos Aires, no ano seguinte é publicado seu primeiro álbum de humor, Mundo Quino, uma compilação dos desenhos de humor gráfico sem texto, com prólogo de Miguel Brascó. É também nesta década que surge MAFALDA, que foi publicada em diversos jornais: Primera Plana, El Mundo e Siete Dias. Neste período,foram publicados cinco volumes dos livros de MAFALDA também. Em 1977, apedido da ONU, ele volta a ilustrar MAFALDA e os personagens de sua tira para a Edição Internacional da campanha mundial da Declaração do Direitos da Criança. No ano seguinte, ele recebe o Troféu Palma de Ouro pelo Salão Internacional do Humorsimo de Bridigher. Ao longo de sua carreira, ele também ganhou os prêmios Bienal Ibero-Americana de Humor Gráfico "Quevedos" e José Hernández por sua contribuição à cultura, além de ter sido declarado Cidadão Ilustre de Buenos Aires.
 
 

PagSeguro: Sua compra protegida.

 
PARCELE EM ATÉ 10 X SEM JUROS
OU PAGUE À VISTA COM DESCONTO DE 10 %

(Válido para compras acima de R$ 100,00)

 

[ Como funciona? ]

 
 
 

 

Estampas Alternativas

 

Estampas Che Guevara

 

LIVROS

 

  INFANTIL 

 

 BOINAS

 

sacolas de brim